16 marcas de medidores de glicose não atenderam a exigência da Agência de Vigilância Sanitária e tiveram a venda proibida no Brasil. Os equipamentos, conhecidos de glicosímetros, são utilizados por diabéticos para o acompanhamento da glicemia no sangue.

Segundo a Anvisa, os itens com venda proibida não atendem especificações internacionais. Entre os produtos com venda proibida estão alguns aparelhos e tiras de medição das empresas Abbott, Bayer, HDI, Injex, Johnson & Johnson, Nipro e Roche.  A VR Medical teve um produto suspenso, mas recorreu e a venda do item foi liberada.

Os medidores de glicose não podem apresentar variação maior que 15% nos resultados da medição de glicose quando comparados a testes de laboratório, segundo uma resolução da Anvisa.

Deixe um comentário