Um idoso de 72 anos foi vítima de estelionato na manhã de quarta-feira em Languiru, Teutônia. De acordo com o registro de ocorrência, o golpista se passou por atendente, furtou seu cartão bancário e em seguida sacou R$ 500 e transferiu outros R$ 1,150 mil.

Segundo a vítima, ele foi até a Caixa Econômica Federal para sacar um valor e pagar um boleto. La dentro teve ajuda da uma atendente. Na saída do banco, ao entrar no carro, um outro homem o abordou e se apresentou como sendo funcionário do banco, usava inclusive crachá. Ele exigiu que o idoso lhe entregasse o cartão bancário para resolver uma falha. Primeiro desconfiou, e não quis entregar. Logo em seguida outra mulher se aproximou e forçou a vítima a entregar o cartão.

No registro, a vítima conta que a mulher segurou o seu cartão e logo em seguida o devolveu novamente. O idoso retornou ao banco e foi constatado que não havia nada de errado com seu cartão. No dia seguinte o idoso novamente foi até a agência, levando um amigo, quando descobriu que o cartão que havia sido devolvido não era o dele e que os estelionatários sacaram R$ 500 da sua conta e ainda fizeram uma transferência de R$ 1,150 mil.

Fonte: agoranovale.com.br

Deixe um comentário