O Dia Mundial da Alimentação foi instituído pela FAO em 16 de outubro, data que neste ano foi lembrada com diversas ações em todo o Estado, sendo que o Poder Público  de Guaporé, juntamente com o Conselho de Alimentação Escolar – CAE e suas entidades participantes, fortaleceram essa temática com relação à produção de alimentos, conectando produtores e educandos, através do PNAE. Mais de 6000 refeições diárias são oferecidas diariamente com produtos vindos do setor rural guaporense.

A Reunião do CAE, além de tratar sobre vários temas, como relatório de visitas às escolas, explanação da nutricionista sobre os trabalhos e formação dos conselheiros, também destacou o Dia Mundial da Alimentação e a Semana da Alimentação do RS, celebrando sua importância na conscientização da comunidade.

Historicamente o Rio Grande do Sul celebra ações que buscam contribuir com a promoção da segurança e soberania alimentar. Neste ano, o tema da Semana vem justamente ao encontro deste contexto, chamando a atenção para o tema da (In)segurança Alimentar e Nutricional no contexto da fome e do direito à alimentação. É fundamental que a escola, família e toda a comunidade, estejam conscientes da importância da alimentação escolar para os estudantes. A educação nutricional envolve discutir e se interessar pela própria saúde, interferindo diretamente no desempenho escolar, qualidade de vida e longevidade.

Além disso, o presidente do CAE, Antônio Cesar Perin destaca que a maior parte da produção de alimentos que abastece as escolas municipais acontece em Guaporé, através de agricultores locais. “Desde o início da pandemia, o município de Guaporé seguiu realizando a compra de alimentos dos agricultores da agricultura familiar, o que auxiliou muito os produtores em um momento tão difícil para todos. Os alimentos foram entregues em forma de kits alimentação aos alunos durante o período de aulas remotas, o que auxiliou inúmeros estudantes e suas famílias. Parabenizo o poder público por tão importante iniciativa, em especial a Secretária de Educação, Veridiana Tonini pelo olhar sempre sensível em tudo que envolve as escolas municipais. É importante que cada um faça a sua parte para a diversificação e a segurança alimentar da família, do município e região, sendo que cada alimento pode colaborar com as doses diárias de nutrição da dieta alimentar que precisamos”.

Deixe um comentário